top of page

PM de Jaguariúna prende carreta carregada de combustível com sinal de identificador adulterado



 

Na noite dessa quarta-feira (26), uma equipe da Polícia Militar de Jaguariúna realizou uma importante operação que culminou na prisão de um indivíduo e na apreensão de uma carreta carregada de combustível com sinal de identificador adulterado. A ação aconteceu durante um patrulhamento de rotina pela Av. Alexandre Marion, na cidade de Jaguariúna. 


 

Os responsáveis ​​pela ação foram o cabo Johnny e o soldado Leme, que avistaram uma carreta com dois ocupantes. Suspeitando de possíveis irregularidades, os policiais decidiram abordar o veículo para averiguação.


 

Ao realizar uma consulta à placa do veículo, constataram que se tratava de uma carreta de combustível registrado no município de Conceição do Araguaia, no Pará.


 

Durante a abordagem e busca pessoal, conforme os procedimentos operacionais padrão (POP), nada de ilícito foi encontrado com os indivíduos presentes na carreta. Entretanto, ao realizarem uma minuciosa vistoria no veículo, constataram que o número do chassi e as placas de identificação haviam sido suprimidos, aparentemente lixados e pintados em toda a carroceria. Essa adulteração indicava uma possível tentativa de ocultar a verdadeira identidade do veículo.


Questionado sobre a origem da carreta, o indiciado C. afirmou que havia sido designado por seu patrão para buscar a carroceria, não dando detalhes sobre a origem do veículo nem sua carga.


Diante das circunstâncias e das evidências de adulteração do sinal identificador do veículo, o indiciado C. recebeu voz de prisão pelo crime de Adulteração de sinal identificador de veículo automotor. Ele foi encaminhado  à delegacia local, onde após realizados os procedimentos legais pertinentes ao caso, ele foi liberado.


 

A carreta carregada de combustível foi apreendida pela polícia para a investigação e para impedir que o veículo adulterado continuasse em circulação, representando um risco potencial para a segurança viária e para o transporte de substâncias inflamáveis.


 

A ação policial contou com o apoio de outros membros da corporação, sendo eles:  3° Sargento Correa, cabo Negro, 2° Sargento Leandro, cabo Abner, soldado Daniel, cabo Salgueiro e cabo Furegatti, que auxiliaram a ocorrência.

Reportagem: Susi Baião

Comentários


bottom of page