Taxista esfaqueado em assalto se despede dos filhos antes de morrer

Um taxista de 44 anos, identificado como Julho Cesar Rodrigues, morreu nessa segunda-feira (11) após ser esfaqueado durante um assalto na zona rural de Vila Bela da Santíssima Trindade (530 km de Cuiabá). A vítima chegou a ser socorrida e encaminhada para o hospital e até transferida, mas não resistiu aos ferimentos e acabou falecendo.
Durante a transferência de hospitais, Julho pôde se despedir dos filhos e um vídeo emocionante foi gravado pelos familiares e divulgado pela TV Centro Oeste.
Nas imagens, o taxista abraça os filhos, os beija e conversa, enquanto uma pessoa da equipe médica da ambulância diz para as crianças que vai apenas levar o pai para fazer curativos e ele irá voltar.
O assalto

Um taxista procurou a delegacia da Polícia Judiciária Civil informando que seu amigo Julho César Rodrigues, também taxista, tinha ido fazer uma corrida em que levaria duas pessoas para Vila Bela da Santíssima Trindade.
Porém, segundo o relato do taxista, por volta das 20h30 ele recebeu um vídeo no celular mostrando Julho caído no chão, ferido e todo ensanguentado. Ele teria sido vítima de um assalto.
Conforme informações da Polícia Judiciária Civil, o carro de Julho, um Fiat Gran Sienna branco, foi levado pelos dois bandidos.
Julho foi socorrido na rua, na zona rural de Vila Bela da Santíssima Trindade e encaminhado, primeiramente, para um hospital em Vila Bela. Depois foi encaminhado ao Hospital Vale do Guaporé e, por fim, para a cidade de Cáceres (220 km de Cuiabá), onde veio a falecer.
A suspeita é de que os passageiros que cometeram o assalto e o homicídio sejam um homem e uma mulher. A Polícia Judiciária Civil está investigando o caso.

Por: KARINA CABRAL - O LIVRE

Nenhum comentário