Operação prende integrantes de facção criminosa em MT

Cinco pessoas integrantes de uma facção criminosa foram presas na noite de quinta-feira (21), no município de Barra do Bugres (167 km a Médio Norte), durante trabalho integrado deflagrado pelas forças de Segurança Pública da região.

Os presos são quatro homens e uma mulher. 

A ação inserida na “Operação Veranum” resultou na apreensão de duas armas de fogo (um revólver calibre 38 e uma pistola calibre 40 com numeração suprimida), um veículo com restrição de roubo ocorrido em Cuiabá, treze munições de diferentes calibres, diversas porções de entorpecentes e uma tornozeleira eletrônica rompida.

Os suspeitos - V.A.S, de 20 anos, L.L.S, 20, T.S.C, 29, M.N.P, 21, e M.E.N.P, 18 -, foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, associação criminosa, porte ilegal de arma de fogo de calibre restrito com numeração raspada, porte ilegal de arma de fogo de uso permitido, resistência, desobediência e receptação.

As diligências iniciaram após informações sobre um grupo supostamente reunido em uma residência no bairro Cohab Nhambquara, em Barra do Bugres, planejando a realização de crimes, bem como possíveis atentados contra órgãos de segurança pública na região.

Com base nas suspeitas, os policiais militares e civis  foram até o endereço onde passaram a vigiar o local. Durante monitoramento foi constatado grande movimentação na casa, ocasião em que dois suspeitos saíram do imóvel e entraram  em um veículo, Fox de cor branca, roubado. 

Ato contínuo foi feita abordagem do automóvel e em poder dos dois ocupantes, apreendido uma pistola e um revólver, ambos municiados. Em seguida os policiais integrados retornaram na casa e surpreenderam os outros envolvidos. Na residência foram encontradas porções de droga (pasta base e maconha) prontas para venda e R$ 300 em dinheiro.

Os cinco detidos foram conduzidos à Delegacia de Barra do Bugres, interrogados e autuados em flagrante delito.

Eles responderão pelos crimes de tráfico de drogas, associação criminosa, porte ilegal de arma de fogo de calibre restrito com numeração raspada, porte ilegal de arma de fogo de uso permitido, resistência, desobediência e receptação.

As diligências continuam com objetivo de identificar e prender outros integrantes do grupo.

Participaram da ação, os policiais civis de Barra do Bugres em conjunto com policiais militares do 12º CIPM, do Núcleo de Porto Estrela e da Companhia de Nova Olímpia.

Nenhum comentário